DIÁRIO DE CASAMENTO #11 - A FOTÓGRAFA

domingo, novembro 08, 2020

 HELLO FRIENDS!!!


Como comentei no post do bolo que tivemos uma decepção com a fotógrafa, vou contar como foi...

Já estávamos bem perto do casamento e lembramos que não havíamos contratado um fotógrafo, eis que começamos a pedir alguns orçamentos e todos estavam cobrando caro para o dinheirinho que tínhamos.

Foi aí que achamos uma pessoa pelo Facebook...

Entramos em contato, ela disse que faria um preço camarada e marcamos de nos encontrar para conversarmos sobre os detalhes.

Nesse dia combinamos forma de pagamento, como gostaríamos que fossem as fotos, quando seria o casamento, ela até nos ofereceu um pré ou pós wedding, mas como meu marido tem vergonha, não quis fazer as fotos e então pedi para que ela me mostrasse algumas fotos de casamento que ela já tinha feito, na hora ela não tinha, mas informou que quando chegasse em casa me mandava pelo watsapp, até aí, beleza, fechou!

Chegaram centenas de fotos no meu celular, mas a maioria delas eram de ensaio de gestante, estavam até bonitas, editadas, mas e as de casamento???

Achei estranho, mas seguimos com ela...

No dia do casamento eu estava me arrumando, quando meu celular toca, era ela, a fotógrafa, pedindo para eu ir buscar ela na casa dela, para levar até a igreja porque ela não sabia chegar lá! Oi???

O combinado era que ela fosse tirar fotos minhas em casa se arrumando e depois iria mais cedo para a igreja para poder tirar as fotos de dentro e fora do local da cerimônia até a minha chegada, mas nada disso aconteceu .

Como estava com a minha cabeça a mil, falei que não tinha condições de sair de casa para ir buscar ela e que ela arrumasse um jeito de chegar na igreja, visto que as minhas fotos em casa já não iam rolar.

Quando cheguei na igreja, juro para vocês, a fotógrafa estava de conjunto de moletom e tênis, e nem eram pretos para disfarçar pelo menos... eu desacreditei!

E detalhe, ela foi sozinha, sem ajudante, não tirou foto dos padrinhos entrando, dos nossos pais, nem do meu marido entrando para poder tirar uma foto minha dentro do carro...

Ah detalhe, também não teve nenhuma foto minha entrando na igreja porque ela alegou terem ficados desfocadas, as nossas fotos no altar ficaram todas do mesmo lado porque ela ficou com vergonha de andar pela igreja e não teve foto da nossa saída da igreja também

No salão, tiramos algumas fotos com os convidados e as de praxe atrás da mesa do bolo, depois ela disse que precisava ir porque estava tarde e ela não ia conseguir ir embora.

No outro dia, me mandou uma mensagem dizendo que a festa tinha sido linda, que ela tinha tirado mais de 700 fotos e que assim que editasse me mandaria.

Depois de 15 dias meu marido foi buscar as fotos (depois que já tinha feito todo o pagamento) e ela mandou num CD menos de 100 fotos, quase morri!

Já estava estressada com tudo que tinha acontecido e ainda me veio uma coisa dessa? Falei 1 kilo na cabeça dela, pedi o restante das fotos, mas ela alegou que ficaram ruins, desfocadas, estavam sem edição e que não ia me mandar.

Por fim, nosso “álbum” de casamento tem mais fotos que nossos amigos tiraram do celular do que da fotógrafa que contratamos .

Moral da história: Se for contratar um fotógrafo, que seja por indicação, de confiança, que conheça seu trabalho e se for para ter um trabalho bem efeito para se lembrar para sempre daquele dia, pague o valor necessário, pois o barato sai caro!

Bjos,

Até mais...

Siga me nas redes sociais <3

Instagram   Youtube   Facebook    Twitter   Pinterest

Veja Também:

0 comentários

Não deixe de Comentar, quem publica agradece!!

Inscreva-se

Digite seu email:

Estamos em:

TPM Básica no VilaMulher
TPM Básica no Cbbloger
GeraLinks
Follow